Como tratar a inflamação da Próstata

O tratamento da inflamação da próstata, prostatite, é feito de acordo com a sua causa, embora, geralmente, pelo fato de, na maioria das vezes, sua origem ser uma infecção por bactérias, é recomendado o uso de antibióticos, como Ciprofloxacino, Levofloxacino, Doxiciclina ou Azitromicina.

Também, de acordo com o estado geral do paciente, o tratamento indicado pode ser feito via oral ou parenteral, nesse caso, a pessoa tendo que ficar internada durante o tratamento.

Por outro lado, nos casos mais graves, a indicação pode ser um procedimento cirúrgico, visando retirar uma parte ou a próstata completa.

Já, quando antibióticos, cuidados diários, como o banho de assento e exercícios para fortalecer os músculos pélvicos, não conseguem ser suficientes para aliviar a dor e outros sintomas da prostatite, o médico pode, então, prescrever  analgésicos, como Paracetamol ou Ibuprofeno, para reduzir a inflamação e aliviar a dor.

Tratamento

Como já foi dito, o tratamento escolhido vai depender do tipo da inflamação:

Prostatite bacteriana aguda: é recomendado o uso de antibióticos por via parenteral ou oral, TAIS COMO: Fluoroquinolona, Levofloxacino, Cefalosporinas, ou Penicilina, associada a Eritromicina. Além desses remédios, pode ser indicado o uso de anti-inflamatórios;

Prostatite bacteriana crônica: é recomendado o uso de antibióticos orais, como o Sulfametoxazol-Trimetoprim, Levofloxacino ou Ofloxacina. Também pode ser indicado o uso de anti-inflamatórios, como o Paracetamol ou o Ibuprofeno;

Prostatite crônica inflamatória e não inflamatória: é recomendado o uso de antibióticos, fisioterapia pélvica e banhos de assento.

Para quem não gosta de remédios, uma ótima opção são os tratamentos naturais para próstata, o Curaprost é uma excelente opção para prevenção e melhora dos sintomas.

No mais, independente do tipo de inflamação da próstata, para aliviar seus sintomas, como dor ou dificuldade para urinar, pode ser recomendado o uso de alfa-bloqueadores, como a Doxazosina, além de evitar fazer atividades que colocam pressão na região genital, como andar de bicicleta, por exemplo, sentar de forma confortável, de preferência, utilizando uma almofada macia, e fazer exercícios para fortalecer os músculos pélvicos.

Melhora da prostatite

Após o início do tratamento da inflamação da próstata com antibióticos, geralmente,cerca de 3 a 4 dias depois, já é possível perceber os principais sintomas de melhora,  como o alívio da dor, diminuição da febre e desaparecimento da dificuldade para urinar, melhorando, assim, sua qualidade de vida.

É preciso, no entanto, que mesmo com a melhora dos sintomas, logo após o uso dos antibióticos, é fundamental manter o seu uso até o final da embalagem, ou até indicação do médico, para evitar o retorno da inflamação da próstata, ou ainda, que surjam bactérias resistentes ao antibióticos utilizados.

Por fim, é preciso ressaltar que, se a prostatite não for tratada, podem surgir algumas complicações muito sérias, tais como infecção generalizada, infecção urinária ou retenção urinária, colocando em risco a vida do paciente, e precisando de internação.

Assim sendo, não deixe de procurar um médico logo ao perceber os primeiros sintomas de inflamação da próstata, como dor, dificuldade de urinar, entre outras.

Leave a Comment